Vila Real Capital da Cultura do Eixo Atlântico em 2016

Sucedendo a Ourense, Vila Real e Matosinhos foram, escolhidas para acolher a Capital da Cultura 2016 do Eixo Atlântico. Autarquias preparam agora programas ambiciosos de promoção de artistas portugueses.

A Comissão Executiva do Eixo Atlântico, organização transfronteiriça do Noroeste Peninsular, nomeou hoje, em O Barco de Valdeorras, na Galiza, Matosinhos e Vila Real Capitais da Cultura 2016.

Criada em 2007, esta iniciativa visa valorizar as expressões culturais das cidades do Norte de Portugal e Galiza através da promoção de artistas das mais diversas áreas de um lado e outro da fronteira. Este ano, pela primeira vez será adotada uma organização mista, à semelhança das capitais europeias da cultura.

vila real capital da cultura em 2016

 

A capital do distrito de Trás-os-Montes e Alto Douro vai ser palco de mais de 100 espectáculos de diferentes áreas artísticas.Não nos esqueçamos obviamente de um dos eventos mais marcantes para o ano de 2015 em Portugal que vai ser a realização do WTCC em Vila Real.

Vila Real, a Capital da Cultura do Eixo Atlântico em 2016, vai ser palco para cerca de 100 eventos de teatro, música, cinema, dança e literatura que vão ter como mote principal o vinho e o Douro. Uma iniciativa importante “para a afirmação da cidade e do Douro e também para o crescimento da economia e do turismo” salientou Rui Santos, presidente da Câmara de Vila Real.
Sendo a capital de distrito uma porta de entrada para a região duriense e considerada a Capital do Douro, o autarca referiu que mais importante que o rótulo é “a abertura para o Mundo” e acrescentou que a Capital da Cultura do Eixo Atlântico em 2016 e o WTCC este ano “coloca Vila Real nas bocas da Europa e do Mundo”.

 

Recommended Posts

Leave a Comment