Entrevista com Hugo Araújo – Piloto que já venceu no Circuito de Vila Real

Esta semana tivemos o prazer de entrevistar Hugo Aráujo, piloto que no ano passado venceu a primeira corrida dos Super Seven by KIA no Circuito de Vila Real, e que no campeonato terminou em terceiro.

Hugo Aráujo teve o início de carreira como piloto tarde, e a oportunidade surgiu com GTAcademy 2012 da Nissan e Playstation, após ter-se tornado vencedor ibérico e 3º classificado Europeu, batendo 830.000 candidatos.

gt academy

Fomos então saber como surgiu a paixão pelas corridas, como foi a evolução dos simuladores para a realidade, e como descreve a sua passagem pelo Circuito de Vila Real.

Sempre tiveste vontade de ser piloto? Quando surgiu a paixão pelas corridas?

Desde muito pequeno que o meu brinquedo predilecto eram os automóveis. Não ligava muito a bolas nem a jogos queria era automóveis, colecção que ainda hoje tenho com centenas de modelos. Também as revistas da especialidade que circulavam lá por casa eram motivo de demorada e atenta consulta. Aos 4 anos já distinguia marcas e modelos perfeitamente e foi com 4 anos que assisti pela primeira vez a uma prova, a Rampa da Falperra. Foi nessa prova, onde senti pela primeira vez os sons, os cheiros e a movimentação de um fim-de-semana de corridas ao vivo, que se deu o click para a minha paixão pelas corridas. Após esta primeira experiência fui espectador atento de diversas provas ao longo da minha vida (Rampa da Falperra, Rally de Portugal, Formula1 no Estoril, Festivais Renault no Estoril, Vasco Sameiro, etc) e naturalmente tele-espectador de muitas mais.

Como foi a transição dos simuladores para os carros reais? Foi difícil a adaptação?

Honestamente julgo que me foi mais difícil adaptar ao simulador do que propriamente aos carros reais. Sempre achei que tinha alguma coisa especial no que à condução diz respeito, por exemplo adoro carros de tracção traseira e sempre me habituei, ainda de tenra idade, a conduzi-los sem problema, mas as oportunidades não surgiram.

O simulador surgiu como um objectivo claro para atingir um fim, a final da GTAcademy assim que em 2008 soube do que tinha acontecido ao Lucas Ordonez. Demorei cerca de 4 anos, com 2 deles de treino intenso de 2 horas por dia, para me tornar num dos melhores jogadores de Gran Turismo em Portugal, o que felizmente me veio dar a possibilidade de estar em Silverstone na final Europeia da GTAcademy 2012.

hugo araujo na academy GT

A passagem não é simples nem muito menos directa. Um bom simracer pode não ser um bom piloto real, e o inverso. No simulador todas as sensações advêm através do volante logo das mãos ao passo que no real advêm do chassis logo da espinha dorsal. É aqui que é necessário efectuar o aprofundamento do treino do simulador, conseguir extrair através das mãos as mesmas sensações que extrairíamos através da nossa coluna numa corrida real. Para além de tudo isto existe mais tudo o resto que apenas temos no real, o perigo, a adrenalina, as forças G’s, etc. No real não temos botão Re-start.

Hoje em dia, mais do que divertimento, uso o simulador para aprender as pistas onde o Super Seven está integrado e Vila Real não foi excepção. Utilizei a plataforma RFactor com a pista de Vila Real, brilhantemente desenvolvida pelo Mário Morais a quem endereço desde já os parabéns pela fantástica pista, e foram centenas as voltas que lá dei no simulador.

No dia de prova, desde as primeiras voltas dos tempos cronometrados percebi que estava rápido, apesar de nunca ter estado em Vila Real nem como espectador. Os pontos de travagem, as velocidades de entrada e saída de curva bem como algumas características específicas do circuito (lombas, trajectórias, etc.) estavam já totalmente mecanizadas fruto do treino no simulador.

A vitória em Vila Real foi especial sendo a primeira?

Foi especial por ser a primeira e não só, foi especial por ser em Vila Real. Ter acontecido num circuito citadino e logo em Vila Real, prova mítica do desporto automóvel em Portugal, foi algo que marcou o resto da temporada pois os índices de confiança aumentaram desde então tendo subido ao pódio em todos os outros circuitos que visitamos após Vila Real.

hugo araujo no circuito internacional de vila real

O traçado citadino de vila real é exigente algum conselho para os pilotos que este ano se vão estrear no circuito de vila real?

O meu conselho vai de encontro aquilo que qualquer piloto hoje em dia já faz certamente. Algumas horas de youtube, muitas horas de simulador, se possível uma deslocação in loco ao circuito (uma vez que é um citadino podemos percorrer algumas zonas do traçado de carro) e muito treino mental sobre a prova.

Hugo araujo no circuito de vila real

Qual o circuito mais exigente a nível nacional?

Julgo que Vila Real será o circuito mais exigente a nível nacional (dos que conheço). O facto de ser citadino, com os rails bem perto, com constantes alterações de piso, inclinações, a grande descida de Mateus e a travagem para a chicane, são todos pontos de uma elevada exigência. No entanto, no meu caso específico, considero que o Estoril continua a ser o meu calcanhar de aquiles pois creio que ainda tenho muito para evoluir no Circuito do Estoril.

vilarealracing.com

Como é conduzir um Caterham?

O Caterham é um carro fantástico de se conduzir. O seu pouco peso aliado a uma potência de cerca de 140cv (o que lhe dá uma relação peso/potência de cerca de 300cv por tonelada) e tracção traseira totalmente desprovido de ajudas electrónicas são ingredientes que o tornam num pequeno endiabrado, capaz de velocidades em curva alucinantes e reduzidas distâncias de travagem. Equipado com os não menos fantásticos pneus Toyo consegue tempos, principalmente em traçados sinuosos, dignos de registo e capazes de envergonhar alguns veículos bem mais potentes.

trofeu super seven no circuito de vila real

Que acha da vinda do WTCC a Vila Real?

Julgo que Vila Real acertou em cheio. Eu fui um dos acérrimos defensores do WTCC na Boavista, mas julgo que Vila Real aproveitou e bem o que outros não quiseram. Será certamente um marco na cidade, no país e até no próprio campeonato. Vai ser bastante trabalhoso mas acredito na moldura humana por trás desta organização e estou certo que estes 3 anos já assegurados serão prolongados por muitos mais. Vai ser uma grande festa!

Para terminar apenas três perguntas de resposta rápida.

Piloto preferido?
Ayrton Senna

Circuito Preferido?
Nurburgring Nordschleife

Carro de sonho?

Estrada – BMW 3.0 CSL

Pista – Mazda 787b

Recommended Posts

Leave a Comment