Há mais um piloto português no WTCC

Quando pensamos no WTCC, lembramo-nos sempre do piloto português Tiago Monteiro, mas o que alguns desconhecem é que há outro piloto português no WTCC.

Estamos a falar do Bruno Correia, que é o piloto oficial FIA no Safety Car no WTCC, e desempenha um papel fulcral para o sucesso das corridas, é um piloto com um vasta experiência e que atualmente também é o piloto do Safety Car nas provas da Fórmula E.

Estivemos a conversa com o piloto, e como é evidente falamos da vinda do WTCC ao Circuito Internacional de Vila Real.

Já é piloto oficial da FIA no Safety Car desde 2009, quer destacar algum momento? Como tem sido a experiência?

Bruno Correia piloto do Safety Car no WTCCBC – Fantástica! Sem dúvida que tem sido uma jornada dura mas muito recompensadora! Destacaria talvez o meu 1º grande prêmio em Macau.

Para aqueles que estão mais distraídos, quer explicar de que forma é importante e essencial o seu trabalho, enquanto piloto do Safety Car?

BC – Em poucas palavras; o piloto de SC neste nível não tem qualquer tipo de margem para erros, representamos grandes organizações em que a maioria dos eventos são transmitidos em directo para todo o mundo! Quando se fala em segurança existe muita responsabilidade envolvida.

O WTCC é a modalidade que lhe dá mais trabalho, que o obriga a ir mais vezes a pista?

BC – Até ao ano passado sim, mas neste momento com todas as alterações aerodinâmicas introduzidas nos TC1, existem menos toques e menos intervenções. Mas durante alguns anos tive uma média de 1 intervenção/prova durante uma temporada inteira!

Este ano uma das novidades do WTCC é o regresso a Portugal, mas agora ao Circuito Internacional de Vila Real.

Sendo este um circuito citadino, espera ter muito trabalho nesse fim de semana?

BC – É sempre uma incógnita, mas por norma os circuitos citadinos dão mais trabalho!

O Circuito Internacional de Vila Real , é uma novidade para todos os pilotos, nem mesmo o português Tiago Monteiro tem experiência neste traçado bastante técnico, acha que será difícil a adaptação dos pilotos?

BC – Os pilotos têm na maioria muita experiência e se adaptam-se rapidamente, porém citadinos não são para todos, especialmente para os que não gostam de sair da zona de conforto(muros).

Atualmente conduz um Alfa Romeo 4C , no WTCC. Este é decerto um carro que estará na lista de desejos de muitas pessoas…

BC – O Alfa Romeo 4C está tão pouco ou quase nada na lista de desejos…que neste momento são uma peça difícil para entrega imediata!!! É muito desejado…e…é fantástico!!!

 

Bruno Correia piloto do Safety Car no WTCC

É importante que o Safety Car seja um carro rápido e ágil para os pilotos não perderem ritmo de corrida?

BC – Sem dúvida é importante termos um carro desportivo, basicamente porque precisamos manter um bom ritmo num ambiente exigente como são os circuitos.

 

 

Recommended Posts

Leave a Comment