Ano novo, equipas novas?

Com o começo de uma nova temporada do World Touring Car Championship – WTCC, temos uma nova equipa no campeonato, a Volvo. Mas muitas são também as equipas, que mudaram e trocaram de pilotos.

Para 2016 temos uma equipa da Citroen que apenas terá dois pilotos oficiais, o bi-campeão Jose Maria Lopez, e o francês, Yvann Muller.

Loeb que muita atenção atraia para o campeonato, “saiu” da Citroen, e deixou assim o WTCC um pouco mais pobre.

Contudo a equipa com o nome do francês, “Sebastien Loeb Racing” tem mais um C-Elysée para além do que foi utilizado no ano passado por Mehdi Bennani, o de Grégoire Demoustier, que no ano de 2015 conduzia um Cruze.

Thed Björk e Fredrik Ekblom wtcc 2016A novidade será a entrada no campeonato da Volvo com o S60. Um carro que em termos aerodinâmicos é forte, devido a sua configuração, já os pilotos Fredrik Ekblom e Thed Björk não terão a vida facilitada, já que existem pilotos muitos experientes no campeonato. A equipa Polester que está encarregue do desenvolvimento do S60 afirma que este é um projeto a longo prazo e que estão bastantes confiantes. Fredrik Ekblom irá pilotar o Volvo nº 61 e o companheiro de equipa e compatriota sueco Thed Björk pilotará o nº 62.

 

Rob Huff -Honda civic wtcc 2016Na equipa da Honda também há novidades. Tarquini saiu da equipa, ficando agora Tiago Monteiro como o homem da casa, uma vez que já corre pela Honda desde 2012 . A equipa da Honda foi reforçada pelos pilotos Norbert Michelizs que conhece bem o Civic e Huff que transita da equipa da Lada. Huff já teve oportunidade de testar o Civic no Circuito do Jerez, e está optmista.

 

 

A equipa da Lada não foi excepção, e também existem pilotos que transitam para a marca russa. Gabriele Tarquini e Hugo Valente juntam-se a Nicky Catsburg na equipa Lada. Hugo Valente beneficia agora de um carro de fábrica para poder mostrar todo o seu potencial. Relembramos que em 2015 Valente deixou boas indicações, apesar da sua juventude. A sua juventude irá aliás contastrar com a experiência de Tarquini, e esta mesma diferença de idades e de experiência foi aliás alvo de uma discussão em 2015. Veja aqui a troca de argumentos entre os pilotos.

A Nika Internacional também já confirmou a sua presença no WTCC 2016, sem contudo divulgar o nome do piloto que representará a equipa.

 

Recommended Posts

Leave a Comment